A poesia visual do futebol

zaga_palmeiras
Linha defensiva do Palmeiras nos anos 60. Sincronismo da Academia capturado pelo olhar de Domício Pinheiro

Hoje, a transmissão de uma partida na TV, com um sem número de câmeras espalhadas por todo o estádio, capta cada movimento, cada suspiro, gota de suor, em super slow motion. Hightech total e absoluto (agora contaremos até com “juiz eletrônico” pra resolver dúvidas de arbitragem).

Tanta tecnologia, porém, muitas vezes acaba por banalizar o jogo, tornando-o um mero efeito de computador. Muitos jogadores, aqueles mais midiáticos, sabem utilizar essa parafernália pra se auto-promoverem, com “espontâneas” comemorações de gol previamente ensaiadas ou caretas e beijinhos pras câmeras.

caio_vilela_futebol_arte_1
A arte do futebol no magnífico trabalho de Caio Vilela

Diferentemente, a fotografia traz, no instante capturado num clique, sem repetição nem câmera lenta, lembranças e sonhos de uma vida toda. O olhar atento e o dedo ágil do profissional captura, solitária, toda a poesia do futebol. O jogo jogado nos campos/cantos do mundo, com redondas de todos os tipos chutadas por pés calçados ou não.

 

Autor: Francisco Milhorança

Designer gráfico, artista visual e apaixonado por futebol (não necessariamente nessa ordem).

Comente aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s